21 de dezembro de 2014

Tão distante, tão meu
O amor mais bonito que alguém conheceu.

Sem comentários:

Enviar um comentário